O Guaximim da casaca Schimidt Nöllen

Curtir Aguarde... descurtir
 
0

o guaxinim de casaca inglesa
O guaxinim (Procyon cancryvorus) ou mão-pelada tem corpo brevilíneo e cônico, com a extremidade de cima mais fina que o resto. Tem umas mãos bem pequenas e uns dedinhos nojentos com umas unhas roídas. Olheiras entristecidas compõem a retórica pessimista. Fuma excessivamente, segundo seu Orkut.

Tentou diversas vezes passar no Instituto Rio Branco, mas reprovou nas seletivas.

Boquinha-livre da embaixada germânica, no Setor de Embaixadas Sul: Diz-se um “Diplomaten” ao entrar apressado; fica em um canto obscuro segurando as guloseimas com as duas mãos. Morde sem tirar os olhos do ambiente. Come rápido e desconfiado, esgalamido que é. A cabeça não pára.

Permanece num estado de excitação constante, dançando nuns pulinhos rápidos ao som da banda, mas sem largar a comida. Não fala com ninguém e vai de instantes em instantes à mesa de acepipes, sem parar de dançar. Ri sozinho, como um pateta.

Mais sobre o autor

Ralph Spegel

<p>Forte, estatura heróide, pálido de argila, barba inteira, rente, pontiaguda, vestindo corretamente, parecia à primeira vista uma dessas nulidades elegantes, a que a natureza, satisfeita por masculinizar-lhes o aspecto heróico, regateia lugar no espaço. Bastava porém, reparar na flexão das suas sombrancelhas espessas, na expressão imperativa do seu olhar, para descobrir dentro dessa míngua orgânica, um caráter em carne viva.</p>

0 comentários

  1. kkkkkk, conheço muitos, principalmentes os que fica sábado a noite na porta da igreja esperando o casamento acabar e seguir os carros até a mansão com boca livre.