Galanteador

Galanteador não é título adquirido, tão pouco herdado. Galantear é arte, como é arte escrever disparates amorísticos em festas. Para ser um galanteador, há de se convir que esperteza, sofismo e muita inteligência são requisitos natos. Galantear é ser carismático com segundas intenções, é conhecer o amor racionalmente.

Mais sobre o autor

spegel

Forte, estatura heróide, pálido de argila, barba inteira, rente, pontiaguda, vestindo corretamente, parecia à primeira vista uma dessas nulidades elegantes, a que a natureza, satisfeita por masculinizar-lhes o aspecto heróico, regateia lugar no espaço. Bastava porém, reparar na flexão das suas sombrancelhas espessas, na expressão imperativa do seu olhar, para descobrir dentro dessa míngua orgânica, um caráter em carne viva.